Vila Chã | Lar em insolvência: Lugar de Sonho transformou-se em pesadelo para 20 idosos despejados

O Lar Lugar de Sonho transformou-se por estes dias num pesadelo para cerca de duas dezenas de idosos e respectivas famílias de Vila Chã de Ourique. Esta casa de repouso situada em Vila Chã de Ourique pediu insolvência a 22 de Março e fechou portas praticamente sem aviso prévio.

O Lar Lugar de Sonho transformou-se por estes dias num pesadelo para cerca de duas dezenas de idosos e respectivas famílias do Cartaxo. Esta casa de repouso situada em Vila Chã de Ourique pediu insolvência a 22 de Março e fechou portas praticamente sem aviso prévio. A insolvência foi decretada pelo Juízo de Comércio do Tribunal de Santarém três dias depois, a 25 de Março.

Os cerca de vinte idosos que viviam nesta instituição foram informados por uma funcionária que a mesma iria encerrar portas. Foi-lhes comunicado no passado sábado, por volta das 18 horas, que o mais tardar até segunda-feira os idosos teriam de abandonar o Lugar de Sonho. José Silva, filho de uma senhora de 90 anos e utente deste lar, afirma que tentou por várias vezes chegar à fala com o proprietário, mas as suas chamadas foram invariavelmente parar ao voice-mail.

José Silva acrescenta que a mãe pagava uma mensalidade de 800 euros, sendo que este valor não incluía a entrega regular de fraldas e medicamentos. A última vez que esta testemunha terá pago a mensalidade foi na passada sexta-feira, dia 27 de Março. Ou seja, cinco dias após o Lar Lugar de Sonho ter pedido a insolvência.

De acordo com o que o Fundamental conseguiu apurar, Câmara Municipal do Cartaxo, GNR e Segurança Social estão a acompanhar este caso. A autarquia está, inclusive, a fornecer refeições e a acompanhar as respectivas famílias. Alguns dos idosos já terão encontrado um novo Lar, mas nesta fase terão de se submeter ao teste do Covd-19 antes de poderem ser integrados nos novos estabelecimentos de acolhimento.

 


Miguel Ouro: talentoso artista de Azambuja aceita desafio do Fundamental e dá concerto em casa

O Fundamental lançou há dias o desafio a Miguel Ouro: presentear-nos com um concerto caseiro, com o propósito de ser difundido no Fundamental Canal. E o talentoso artista de Azambuja correspondeu ao seu melhor nível! Para ver aqui.

VIAAlexandre Silva
COMPARTILHAR