Folgado dá luz verde a condomínios do Carregado para resolverem problema dos “túneis” da Barrada

Pedro Folgado garantiu ontem que a Câmara de Alenquer nada pode fazer em relação aos tristemente afamados "túneis" da Barrada. O presidente informou que aquelas estruturas pertencem aos prédios e assegurou que caberá a cada proprietário fazer daquele espaço o que bem entende.

Pedro Folgado garantiu ontem que a Câmara de Alenquer nada pode fazer em relação aos tristemente afamados “túneis” de passagem entre prédios existentes na Urbanização da Barrada. O presidente informou que aquelas estruturas pertencem aos prédios e assegurou que caberá a cada proprietário fazer daquele espaço o que bem entende.

Pedro Folgado falou durante a reunião do executivo camarário realizada no edifício dos Passos do Concelho na manhã desta última segunda-feira. O presidente foi questionado por um munícipe morador nesta urbanização do Carregado, que se queixou do barulho e do tráfico de droga nos túneis contíguos ao parque de desportos radicais que se encontra ainda em fase de requalificação.

Em resposta a este munícipe, Pedro Folgado garantiu: “Esses túneis não pertencem à esfera da Câmara Municipal e a autarquia só poderá fecha-los ou fazer nesses espaços algo de diferente do que lá existe com a aprovação dos proprietários”. Desta forma, terão de ser as administrações de cada lote de prédio a empreender o fecho total ou parcial destes túneis, que têm sido um foco de problemas, sobretudo palcos privilegiados de tráfico e consumo de drogas.

De acordo com alguns moradores da rua Gil Eanes, onde fica situado o “túnel” entre os lotes 104 e 105 que tem sido notícia pelas piores razões, a ideia poderá passar por fechar o espaço recorrendo a grades localizadas em cada extremidade da passagem, com duas portas que ficarão fechadas à chaves, ficando as respectivas chaves na posse das administrações do condomínio de cada lote. O interior do túnel poderia dar origem a um espaço verde, cuidado alternadamente por ambas as administrações de cada um dos lotes em causa.

Ainda acerca do mal estar causado pelos desacatos, tráfico e consumo de droga nos túneis da Urbanização da Barrada, Pedro Folgado assegurou que serão as autoridades que têm de actuar neste contexto: “Quem tem de intervir é a GNR, eles é que são a força de segurança e cabe-lhes actuar no caso de haver ali gente a traficar ou a consumir drogas”, esclareceu o presidente da autarquia de Alenquer.


VIAAlexandre Silva
COMPARTILHAR