Alenquerense Cláudia Oliveira assume amor pelos livros – pandemia deu origem a livraria online

"Acredito no poder na literatura e na importância que essa desempenha nas nossas vidas". É desta forma que Cláudia Oliveira assume a sua paixão pelos livros. Esta cidadã alenquerense impulsionou a Livraria Ama Livros, um projeto online que surgiu durante a pandemia.

Acredito no poder na literatura e na importância que essa desempenha nas nossas vidas“. É desta forma que Cláudia Oliveira assume a sua paixão pelos livros. Esta cidadã alenquerense impulsionou a Livraria Ama Livros, um projeto online que surgiu durante a pandemia. “Acredito verdadeiramente que a literatura nos pode ajudar nas mais diversas fases da vida“, reforça.

Desde os oito anos que Cláudia Oliveira assume os livros como parte integrante da sua vida. “Desde essa idade que ando com um livro nas mãos, e quando descobri o mundo maravilhoso da literatura encontrei o meu propósito de vida: espalhar o amor pelos livros“. Dito desta forma não deixa quaisquer dúvidas: Cláudia e os livros são uma espécie de ligação para a vida.

Mas afinal como funciona a Livraria Ama Livros? Nada melhor do que a própria fundadora para explicar o conceito em discurso direto: “Recentemente criei a caixa literária Ama Livros. Uma caixa literária com o livro do mês, mimos e inclusão no clube do livro da livraria. Faço a divulgação do meu trabalho através do Instagram (@amulherqueamalivrospt) e (@livrariaamalivros)“.

De acordo com Cláudia, a livraria ainda é online (amalivros.pt) devido à falta de condições para ter um espaço físico mas o grande sonho é mesmo esse: chegar um dia à livraria tal como a conhecemos. “O objetivo é espalhar o amor pelos livros através de desafios literários e iniciativas ligadas à literatura. Nasceu de um sonho e com poucos recursos“, confessa ainda Cláudia Oliveira.

Segundo a fundadora da Livraria Ama Livros, as caixas literárias estão a ter uma excelente receção por parte dos leitores de várias idades. “É focada em literatura portuguesa e livros que abordam temáticas importantes como o racismo, o preconceito e o papel da mulher na sociedade“, explica. “Tenho enviado livros para alguns leitores em Alenquer e já cheguei a entregar livros em mãos. Os livros estão em stock na minha casa, um espaço que separei para ter a livraria em casa“, complementa.


Mário Amaro em entrevista: “Acredito que não teremos maioria absoluta do PS em Alenquer”

É o mais jovem concorrente a presidente da câmara que Alenquer já teve desde que há eleições livres. Mário Amaro lidera a Coligação Fazer Cumprir Alenquer e é o candidato que se segue no ciclo de entrevistas que o Fundamental Canal está a levar a cabo aos aspirantes à presidência da Câmara de Alenquer no Museu do Vinho situado na Vila Presépio. Veja a entrevista aqui.

VIAAlexandre Silva
COMPARTILHAR