Nelson Rodrigues: número 2 do PSD à Assembleia de Azambuja é filho de histórico do PCP local

Nelson Rodrigues e José Navarro de Andrade serão os nomes que acompanham Maria João Canilho na corrida à Assembleia Municipal de Azambuja pelo PSD local. Nelson é filho do histórico comunista António José Rodrigues, que já foi presidente da autarquia pela CDU entre 1982 e 1985.

O PSD de Azambuja apresentará no decorrer da tarde desta quarta-feira as individualidades que acompanharão Maria João Canilho na candidatura à Assembleia Municipal de Azambuja no contexto das autárquicas que terão lugar em Outubro. O número dois dos social democratas será Nelson Rodrigues, filho de António José Rodrigues, antigo presidente da autarquia eleito pela CDU e histórico militante do partido comunista.

Já em terceiro lugar na lista concorrente à Assembleia Municipal pelo Partido Social Democrata de Azambuja surge José Navarro de Andrade. Embora nascido em Lisboa em Janeiro de 1959, Navarro de Andrade sempre se considerou cidadão de Vale do Paraíso. É licenciado em Filosofia, fez uma pós graduação em Filosofia Contemporânea e deu aulas de Filosofia no Ensino Secundário durante 6 anos.

José Navarro de Andrade fez parte do elenco do Partido Socialista que militou na Assembleia Municipal de Azambuja no mandato balizado entre os anos de 2001 e 2005, quando então aquele fórum era presidido por António Pratas Cardoso. Na altura era presidente da autarquia Joaquim Ramos, então a cumprir o seu primeiro mandato à frente dos destinos da edilidade azambujense.

José Navarro de Andrade foi programador de cinema na Cinemateca Portuguesa entre 1987 e 1996, acompanhando esta atividade com a de crítico de cinema sucessivamente nos jornais O Independente, O Jornal e Público. A seguir, entre 1997 e 2007, esteve na direção de programas da SIC, primeiro como Programador Executivo e depois como Diretor de Programas Estrangeiros. Já Nelson Rodrigues é licenciado em Gestão de Empresas e em Direito e autor do policial “A tragédia dos Rovena”, livro de ficção editado em maio de 2017 pela Chiado Books.

O PSD de Azambuja deverá entretanto cumprir um calendário predefinido de apresentação dos seus candidatos aos diversos órgãos autárquicos no âmbito das eleições de Outubro. Ainda no mês de Junho será revelada a lista de nomes que acompanharão Rui Corça na candidatura à Câmara de Azambuja. António Jorge Lopes, outro histórico mas dos social democratas locais, garante estar satisfeito com a juventude e com o espírito de renovação que vai vendo na formação das listas que se apresentarão a votos dentro de alguns meses.

VIAAlexandre Silva
COMPARTILHAR