Cheiro a podre vindo do sistema de esgoto preocupa habitantes do centro da Merceana

Os habitantes da Merceana andam por estes dias enjoados com o mau cheiro proveniente do sistema de esgotos que se faz sentir no centro da localidade. O caso já foi reportado à empresa Águas de Alenquer.

Os habitantes da Merceana andam por estes dias enjoados com o mau cheiro proveniente do sistema de esgotos que se faz sentir no centro da localidade. A zona da Igreja local e as ruas contíguas estão empestadas com um odor que persiste desde meados da semana passada. O caso já foi reportado à empresa Águas de Alenquer.

A concessionária afirma que o mau cheiro é proveniente do sistema de esgotos, mais propriamente das caixas de sifão que acumulam detritos, sendo que a solução, ainda de acordo com a empresa Águas de Alenquer, passa por inundar as referidas caixas de forma a remover os detritos que causam os odores que se fazem sentir nas ruas da Merceana.

Tendo por base informação que foi publicada nas redes sociais, uma fonte da Águas de Alenquer assegurou igualmente que o problema não tinha sido comunicado à empresa pela União de Freguesias de Aldeia Galega e Aldeia Gavinha, sendo que essa comunicação será essencial para que a empresa concessionária possa atuar no terreno.

Seja como for os habitantes da Merceana anseiam por uma solução para este problema que lhes está a afetar a qualidade de vida. A zona contígua à Igreja matriz é a mais afetada, assim como as ruas das Olarias e Círio de Geraldes. O calor previsto para os próximos dias poderá acentuar este problema, sendo essa igualmente uma preocupação dos habitantes da Merceana.

VIAAlexandre Silva
COMPARTILHAR