Universidade sénior de Azambuja com aulas suspensas depois de aluna ter testado positivo

As aulas da Universidade Sénior de Azambuja foram suspensas pelo menos até 18 de Dezembro, devido ao aparecimento de um caso positivo de Covid-19 num dos alunos.

As aulas da Universidade Sénior de Azambuja foram suspensas pelo menos até 18 de Dezembro, altura em que termina o primeiro período do atual ano letivo. De acordo com informação prestada publicamente pelo presidente da autarquia no decorrer da última reunião de câmara esta decisão deveu-se ao aparecimento de um caso positivo de Covid-19 num dos alunos.

Luís de Sousa prestou essa informação aos restantes vereadores durante a reunião do executivo que teve lugar em Azambuja na passada terça-feira. O caso positivo detetado resulta de transmissão familiar e não tem qualquer ligação com os restantes alunos seniores da Universidade.

Desta forma o Município de Azambuja, dando continuidade à implementação de um conjunto de medidas preventivas à propagação da pandemia COVID-19, reforçou hoje oficialmente a decisão de suspensão das aulas presenciais da UTICA – Universidade da Terceira Idade do Concelho de Azambuja, por questões de segurança.

Acrescente-se que os alunos inscritos terão aulas em formatos alternativos, sendo que o acompanhamento será realizado por parte da equipa técnica do Município em articulação com os professores voluntários. A suspensão das aulas presenciais mantém-se até ao final do primeiro período letivo, 18 de dezembro de 2020, tal como já informámos neste artigo.

VIAAlexandre Silva
COMPARTILHAR