Lar da Santa Casa de Azambuja tem 45 casos de Covid – Presidente volta a falar de cerca sanitária

A Freguesia de Azambuja acordou hoje em estado de alerta devido ao aumento de casos positivos de infeção pela Covid-19. No Lar da Santa Casa da Misericórdia há 45 pessoas que testaram positivo, 15 funcionárias e 30 utentes.

A Freguesia de Azambuja acordou hoje em estado de alerta devido ao aumento de casos positivos de infeção pela Covid-19. No Lar da Santa Casa da Misericórdia há 45 pessoas que testaram positivo, 15 funcionárias e 30 utentes.

Já na escola secundária uma aluna filha de uma funcionária da Santa Casa também testou positivo, e a turma está em casa de quarentena. Estes números da Santa Casa poderão não ser valores finais já que ainda não são conhecidos os resultados de todos os testes efetuados na instituição.

Os casos ativos que noticiamos ainda não constam dos totais divulgados hoje pelas autoridades e que apontam para um total de 57 pessoas que testaram positivo em Azambuja, pelo que é esperado que amanhã este valor possa aumentar significativamente.

Luis de Sousa, o Presidente da Câmara, não esconde a sua extrema preocupação para com este cenário em Azambuja: “Se isto continuar assim, teremos de pensar em fazer uma cerca sanitária; teremos de optar pelo melhor para proteger as pessoas“.

Recorde-se que já na primeira vaga o autarca tinha sugerido uma solução idêntica devido a um problema similar em Azambuja. Na altura Luís de Sousa foi mal interpretado em Lisboa e a situação deu origem até a um desentendimento entre o próprio, António Costa e a Juventude Socialista.

Desta feita o Presidente da Câmara de Azambuja volta a sugerir a mesma solução, caso o número de infeções dispare no município. “Da maneira como isto está, com a questão das escolas e tudo, vejo a situação a complicar-se e equaciono todas as possibilidades para proteger as nossas populações“, reforça o autarca.


Nelson Neves e o impacto da pandemia nas empresas: “Próximos meses vão ser muito dolorosos”

Nelson Neves regressa ao Fundamental Canal para analisar o momento em que vivem as pessoas e as empresas em consequência da pandemia de coronavírus. O nosso especialista em recuperação e revitalização de empresas perspetiva um caminho doloroso para ser percorrido nos próximos meses.

COMPARTILHAR