Salvaterra de Magos: autarquia aposta na formação Cultural dos Jovens

O Município de Salvaterra aprovou uma proposta de protocolo que foi negociada com Bombeiros e Associação Cultural e Musical de Salvaterra de Magos e que vai permitir a esta ultima duplicar a área da sua Academia de Musica.

O Município de Salvaterra aprovou uma proposta de protocolo que foi negociada com Bombeiros de Salvaterra e Associação Cultural e Musical de Salvaterra de Magos e que vai permitir a esta ultima duplicar a área da sua Academia de Musica. Esta academia vai passar a ocupar também o piso térreo do antigo quartel dos Bombeiros, onde já desenvolvia a sua actividade, ainda que só no 1º andar do edifício.

Relembre-se que a autarquia de Salvaterra de Magos tem vindo a requalificar e ampliar uma antiga Escola Primária para a colocar ao serviço da futura Escola de Música da Sociedade Filarmónica de Muge. Esta iniciativa acontece depois de no mandado anterior ter confiado as antigas instalações da Pré-Primária da Marinhais à Academia de Artes “O Batuque”, um projecto cultural que ganhou dimensão e assumiu um papel relevante na panorâmica cultural do concelho.

Já sobre a proposta agora aprovada, o Presidente do Município referiu: “A solução encontrada que vai permitir melhorar as condições de ensino e de aprendizagem dos jovens músicos que frequentam as aulas e integram a Banda Filarmónica de Salvaterra de Magos, conseguindo-se ainda garantir que o edifício histórico propriedade dos Bombeiros seja útil à comunidade local e convenientemente conservado num esforço a que a autarquia se associará”.

O protocolo assegura ainda que os Bombeiros beneficiarão de duas actuações por ano da Academia de Música em eventos que realize designadamente para angariar verbas para os Bombeiros Voluntários. A Associação Cultural e Musical de Salvaterra de Magos dirá ainda presente no caso de os Bombeiros quererem retomar a sua Fanfarra, disponibilizando uma hora semanal para formação de todos quantos possam vir a assumir este projecto.

Acrescente-se que o Município de Salvaterra de Magos, na sequência da construção de novos centros Escolares, tem vindo a protocolar com mais de duas dezenas de Associações culturais, desportivas e recreativas do concelho a utilização dos antigos espaços escolares, apoiando e financiando também a realização de obras nos espaços utilizados por muitas outras colectividades.

“A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos tem feito ainda investimentos substanciais na regeneração urbana de edifícios municipais e na sua ulterior utilização para serviços culturais e de proximidade aos cidadãos, como foram e serão os casos do Mercado de Cultura em Marinhais, do Espaço Jackson na Glória do Ribatejo e da reabilitação da antiga Escola “O Século” em Salvaterra de Magos”, concluiu o Presidente da Câmara Municipal.