Burla de mais de 3 mil euros: nome da empresa Avipronto usado para fraude em Vila Franca

Uma loja em Vila Franca de Xira foi alvo de uma burla consumada abusivamente em nome da empresa Avipronto. Os burlões fizeram-se passar por pessoas ligadas a esta empresa e o comerciante ficou sem o dinheiro. É um alerta para outras lojas e empresas da região.

Uma loja em Vila Franca de Xira foi alvo de uma burla consumada abusivamente em nome da empresa Avipronto. Os burlões fizeram-se passar por pessoas ligadas a esta empresa e a fraude acabou por se consumar, sendo que o comerciante ficou sem o dinheiro. É um alerta para outras lojas e empresas da região.

De acordo com o que o Fundamental conseguiu apurar, esta loja de Vila Franca de Xira recebeu um telefonema de alguém que afirmou representar a empresa Avipronto. O telefonema destinava-se a efectuar uma encomenda no valor de mais de 3 mil euros, alusiva a roupas de cama, colchões e lençóis.

Já na altura de pagar a referida encomenda, os burlões afirmaram que estavam com dificuldades de fazer a transferência do valor em causa. E transmitiram ao dono da loja que, para conseguirem efectuar a transferência, o empresário teria de se deslocar ao multibanco quando então a operação seria efectuada em simultâneo com as instruções que iria receber do outro lado do telefone.

O dono da loja dirigiu-se desta forma a um terminal de multibanco, na esperança de efectuar um bom negócio em tempos difíceis. De referir que, e de acordo também com o que o Fundamental conseguiu apurar, os burlões criaram inclusive um endereço de email falso, com alusão à empresa Avipronto, de forma a que a burla pudesse parecer ainda mais credível aos olhos do comerciante que acabaram por enganar.

Naturalmente que a empresa Avipronto será completa e absolutamente alheia a esta burla, não tendo qualquer ligação ou responsabilidade na mesma. Fica aqui o alerta, pois outras empresas poderão ver igualmente o seu nome utilizado de forma abusiva por amigos do alheio e burlões que nesta altura atacam sem dó nem piedade. Todo o cuidado é pouco.

VIAAlexandre Silva
COMPARTILHAR