Carregado: parque de pesados encerrado e autarquia anuncia novo espaço

Pode ser o inicio... do fim do parque de pesados da Urbanização da Barrada. A autarquia despoletou o processo de transferência deste polémico parque para o novo terreno recentemente adquirido. Desde 20 de Agosto que o acesso ao antigo parque está impedido.

Pode ser o inicio… do fim do parque de pesados da Urbanização da Barrada. A autarquia despoletou o processo de transferência deste polémico parque para o novo terreno recentemente adquirido, situado nas imediações do Intermarché do Carregado. Desde o dia 20 de Agosto que o acesso ao antigo parque está impedido. Nesta altura ainda restam alguns camiões estacionados no dito terreno, mas são cada vez menos os pesados ali parqueados.

Pedro Folgado garantiu em entrevista concedida ao Fundamental Canal: até ao final do presente ano este assunto teria de conhecer um desenvolvimento significativo. Ou seja, o parque terá de ser transferido para o novo terreno até finais de 2019. E poucos dias após a entrevista, que até o momento já teve vários milhares de visualizações, o presidente meteu mãos à obra, tendo dado inicio a este processo.

Para já a Câmara de Alenquer anuncia a remodelação do actual parque com o objectivo de repor as condições originais do terreno, que pertence à Quinta do Barrão. Este processo é imprescindível para que os carregadense da Urbanização da Barrada readquiram a sua mais do que merecida qualidade de vida, uma vez que, após terem sido repostas as condições nativas daquele espaço, deixará certamente de haver as brutais quantidades de pó que assolam os moradores daquela região da urbanização.

A autarquia adianta que as terras que serão removidas do actual parque vão ser transportadas para o terreno onde decorrerão as obras de construção do futuro parque de estacionamento de pesados. Recorde-se também que o presidente da autarquia referiu, na entrevista concedida ao Fundamental Canal, que o projecto original do novo parque seria executado para já numa versão resumida e abreviada, tendo em conta agilizar o processo e apressar a operacionalização da nova estrutura, que deverá ficar pronta até ao final do ano, segundo assegurou Pedro Folgado.

Para já esta nova etapa deu origem a um acréscimo significativo de camiões parqueados nas ruas da Urbanização da Barrada, uma vez que os condutores de pesados ficaram, de repente, sem solução para estacionarem os seus TIR’s. A estrada que liga a rotunda da Repsol à Meirinha e que dá acesso ao ainda actual parque estava, nas últimas horas, apinhada de camiões estacionados em ambas as bermas. Circular em segurança naquela via por estes dias é, de todo, uma aventura.

Convidamo-lo de seguida a recordar a entrevista de Pedro Folgado ao Fundamental Canal, concedida a 18 de Agosto, durante a qual o presidente assumiu o compromisso de mudar o parque de pesados para o novo terreno até final deste ano.

VIAAlexandre Silva
COMPARTILHAR