Fernando Avellar: antigo chefe dos Escuteiros de Alenquer morre pouco antes de completar 58 anos

Faleceu Fernando Avellar, antigo chefe do Agrupamento de Escuteiros de Alenquer e figura bastante conhecida na vila presépio e na região. Avellar completaria 58 anos precisamente neste dia 1 de Abril de 2019. Faleceu vítima de doença prolongada.

Fernando Avellar foi durante largos anos Chefe do Agrupamento 513 do Corpo Nacional de Escutas, com sede em Alenquer. Faleceu a poucas horas de completar 58 anos

Faleceu Fernando Avellar, antigo chefe do Agrupamento de Escuteiros de Alenquer e figura bastante conhecida na vila presépio e na região. Avellar completaria 58 anos precisamente neste dia 1 de Abril de 2019. Faleceu vítima de doença prolongada.

Fernando Avellar foi durante largos anos Chefe do Agrupamento 513 do Corpo Nacional de Escutas, com sede em Alenquer. “O Chefe Fernando (Tigre Brincalhão) foi um dos fundadores do nosso Agrupamento e chefe de Agrupamento durante mais de 20 anos”, pode ler-se na página oficial dos Escuteiros de Alenquer, página sediada na rede social Facebook.

“Será sempre uma referência para todos que por este Agrupamento passaram e irão passar pois deixa marca bem profunda em todos nós que com ele partilhamos este ideal. Nunca deixará de ser o Grande Chefe!”, acrescentam ainda os Escuteiros de Alenquer, que naturalmente também estão de luto.

Ainda sobre o Chefe Fernando Avellar, os Escuteiros do Agrupamento 513 acrescentam: “O nosso chefe era alguém alegre, bem disposto, senhor da razão, exemplo a seguir e acima de tudo um sonhador que nos fez sempre acreditar que vale a pena sonhar!”

O funeral de Fernando Avellar realiza-se na próxima quinta-feira, dia 4 de Abril. O cortejo fúnebre sairá pelas 16 horas da Casa Mortuária de Alenquer para o Cemitério de São Francisco. Ainda de acordo com o Agrupamento de Escuteiros de Alenquer, e citamos, “por vontade expressa do Chefe Fernando Avellar – comunicada pela família – não haverá qualquer cerimónia escutista nem elementos uniformizados nestas cerimónias”. À família de Fernando Avellar, bem como aos Escuteiros de Alenquer, o Fundamental endereça as mais sentidas condolências.

 

VIAAlexandre Silva
COMPARTILHAR