Alenquer: homem morre em Bogarréus ao cair numa cratera das pedreiras com mais de 6 metros

Um homem morreu nesta tarde de sábado ao cair de uma altura de mais de 20 metros numa cratera das pedreiras em Bogarréus. Joel Carvalho tinha feito 34 anos a 8 de Março e manobrava uma máquina que acabou por capotar e cair para o interior da cratera da pedreira, onde acabou por falecer.

Um homem faleceu no final desta tarde de sábado ao cair de uma altura de mais de 6 metros numa cratera das pedreiras situadas em Bogarréus, concelho de Alenquer. Joel Carvalho, que completou 34 anos a 8 de Março, manobrava uma máquina que acabou por capotar e cair para o interior da cratera da pedreira, onde o seu condutor acabou por falecer.

O corpo de Joel Carvalho já foi transportado para a morgue do Hospital de Vila Franca de Xira onde vai ser sujeito a autópsia. Presentes estiveram a Cruz Vermelha do Carregado e os Bombeiros Voluntários de Alenquer, bem como elementos do Núcleo de Investigação Criminal da GNR e ainda técnicos da Protecção Civil. Foram muitos os populares e também familiares da vítima que acorreram ao local, o que obrigou a que fosse criado um perímetro de segurança em torno da cratera da pedreira em causa.  Inicialmente julgava-se que a cratera teria mais de 20 metros de profundidade, mas à luz do dia foi confirmada a profundidade de cerca de 6 metros.

A máquina escavadora que era manobrada pela vítima acabou por deslizar e cair por volta das 17 horas num buraco resultante da actividade das pedreiras estabelecidas nesta região, sendo que esta cratera apresentava uma profundidade com cerca de seis metros. O óbito foi declarado no local por volta das 18 horas e 36 minutos.

Posteriormente ao acidente a cratera foi isolada para evitar que no mesmo local aconteçam outros acidentes semelhantes. Após a confirmação da morte de Joel Carvalho foram também chamadas à pedreira de Bogarréus a Polícia Judiciária e Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT). Segundo o Fundamental apurou, a pedreira è propriedade do jovem empresário que acabou por ser a vítima mortal deste acidente e que era gerente da empresa Calçadas JC.

 

VIAAlexandre Silva
COMPARTILHAR