Municípios do Oeste apostam na modernização administrativa

A modernização administrativa vai chegar aos municípios do Oeste. A OesteCIM vê a prestação de serviços online e a desmaterialização de processos como fundamentais para o crescimento da região.

A modernização administrativa vai chegar aos municípios do Oeste. A Comunidade Intermunicipal do Oeste (OesteCIM) vê a prestação de serviços online e a desmaterialização de processos como fundamentais para o crescimento da região.

Para a OesteCIM, será essencial haver um alinhamento dos 12 Municípios para conseguir uma solução tecnológica comum que possibilite a libertação de recursos e a redução de custos, através da partilha de serviços.

Principal promotora do Projecto Oeste Digital 3.0, apoiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), a OesteCIM pretende melhorar os serviços online prestados aos cidadãos através de várias tipologias de investimento, tais como acesso wi-fi público, gestão de backups para protecção e recuperação de informação de forma mais eficaz e desenvolvimento de um Sistema de Informação Territorial do Oeste apoiado em tecnologia SIG.

Numa primeira fase o objectivo será colocar wi-fi de acesso público em vários pontos estratégicos da Região Oeste, sendo que a visão de futuro passa por ter uma rede transversal ao Oeste, ou seja, uma solução única integradora entre todos os Municípios.
O concurso público para gestão de backups já foi lançado, estando a abertura de propostas marcada para Dezembro.

Quanto ao Sistema de Informação Geográfica, a sua aquisição também está prevista para Dezembro de 2018. Ontem, 20 de Novembro de 2018, foi dado o pontapé de saída do processo de desmaterialização, com o início dos trabalhos de instalação de soluções informáticas nos Municípios do Oeste, que deverá estar concluído já no decurso do próximo mês.