Ávinho arranca sexta: Ministra da Agricultura em Aveiras para provar branco… ou tinto

Maria do Céu Antunes é a representante do governo que estará presente na inauguração da Ávinho. A ministra da Agricultura apadrinha o arranque do certame que decorre nos dias 14, 15 e 16 de abril e que dará corpo à décima sétima edição da Festa do Vinho e das Adegas em Aveiras de Cima.

Maria do Céu Antunes é a representante do governo que estará presente na inauguração da Ávinho. A ministra da Agricultura apadrinha o arranque do certame que decorre nos dias 14, 15 e 16 de abril e que dará corpo à décima sétima edição da Festa do Vinho e das Adegas. O evento é já uma tradição em toda a região e afirma-se como uma das festas do vinho mais castiças de Portugal, afirma o vereador da cultura na autarquia de Azambuja.

A cerimónia contará ainda com intervenções da associação de produtores Vila Museu do Vinho, do presidente da Junta de Aveiras de Cima – António Torrão, e do presidente da Câmara Municipal de Azambuja, Silvino Lúcio. Já o arranque oficial da Ávinho terá lugar às 18h00 na Praça da República. Na visita inaugural às ruas do evento haverá a tradicional oferta de febras, pão e vinho.

Relembramos o espírito da festa: por apenas 2,50 euros o visitante adquire uma caneca de barro alusiva ao evento – que guardará como recordação – e tem acesso a provar, gratuitamente, todos os vinhos de mais de uma dezena de vitivinicultores participantes na festa. “Estes homens e mulheres abrem as suas portas a todos, com a arte de bem receber, e partilham muitos segredos do bom vinho ribatejano que produzem”, reforça António José Matos.

Além da constante animação com as bandinhas de rua, destaque para o fado amador itinerante pelas diversas adegas na noite de sexta-feira e para o desfile etnográfico “O Ciclo do Vinho”, às quatro da tarde de sábado. A nível musical, a edição deste ano terá como cabeças de cartaz a cantora Rosinha, na sexta-feira, às 24h00, e o cantor José Cid com Banda, no sábado, também à meia-noite.


Matos ao F-Canal: “Feira de Maio deste ano vai voltar a ter as 5 habituais largadas de toiros nas ruas”

António José Matos fez a antevisão das edições deste ano dos certames Àvinho e Feira de Maio. O vereador da cultura também falou da importância da marca “Torricado” no contexto da afirmação do município azambujense.