Frederico Rogeiro assegura que não voltará a ser candidato à Câmara de Alenquer em Outubro

Frederico Rogeiro assegurou hoje em exclusivo para o Fundamental que não voltará a ser candidato à presidência da Câmara de Alenquer pelo Partido Social Democrata. O vereador e líder da oposição na autarquia alenquerense afirma que, e citamos, "a Câmara de Alenquer regressou ao pântano da dívida".

Frederico Rogeiro assegurou hoje em exclusivo para o Fundamental que não voltará a ser candidato à presidência da Câmara de Alenquer pelo Partido Social Democrata. O vereador e líder da oposição na autarquia alenquerense foi convidado pelo Fundamental Canal para esclarecer a posição pública tomada nas últimas horas através da qual afirma que, e citamos, “a Câmara de Alenquer regressou ao pântano da dívida”.

Esta posição do vereador da Coligação Juntos Pelo Concelho surge na sequência da aprovação em reunião do executivo realizada nesta segunda-feira de um empréstimo bancário de 6,4 milhões de euros destinados a suportar a parte que cabe ao município no contexto das obras do PEDU – Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano. Depois de votar contra a realização do empréstimo, Rogeiro afirmou que, e voltamos a citar, “o PS resolveu endividar a Câmara para fazer mais obras do que pode pagar”.

Frederico Rogeiro explicou nesta entrevista a sua posição face a este empréstimo, ao mesmo tempo que avançou com a garantia de que não vai voltar a ser candidato nas eleições autárquicas que se vão realizar em Outubro deste ano. Recorde-se que na última entrevista concedida ao nosso jornal Rogeiro já tinha garantido que a sua decisão final passaria por avaliar se a hipotética recandidatura entraria em “confronto” com a sua vida pessoal e com os seus projetos de âmbito profissional.

Uma entrevista para ver já de seguida, aqui no Fundamental Canal. 

VIAAlexandre Silva
COMPARTILHAR