Casais das Comeiras | Quando atravessar a estrada significa mudar de concelho… e de distrito

Há lugares bem nossos conhecidos nos quais é objectivamente impossível... não circular entre diferentes municípios. Vamos explicar-lhe as razões neste artigo de peculiaridades administrativas verificadas na nossa região, e falar-lhe de uma ponte a partir da qual se podem avistar... 17 municípios em simultâneo.

Na época da Páscoa o governo restringiu a circulação de cidadãos entre municípios no âmbito da pandemia de coronavírus que assolou a País e o Mundo. As autoridades policiais saíram para as estradas e controlaram activamente esta restrição. Mas há lugares aqui na região nos quais é objectivamente impossível… cumprir a Lei. Vamos explicar-lhe as razões neste artigo.

Comecemos por um lugar que reúne condições invulgares neste contexto: a Rua dos Moinhos, na convergência entre Casais das Comeiras e Casais Penedos, documentada na fotografia de suporte deste artigo. Esta rua representa a divisão entre duas freguesias: Aveiras de Cima e Pontével. Mais ainda: representa igualmente a divisão entre dois concelhos, Azambuja e Cartaxo. Mas como se já não bastassem as “divisões”, a Rua dos Moinhos ainda estabelece a diferença entre o Distrito de Lisboa e o Distrito de Santarém.

Ou seja, qualquer pessoa que atravesse esta estrada acaba por conseguir um feito notável: com meia dúzia de passos muda de distrito, de concelho e de freguesia. É caso para afirmar que nesta rua peculiar as autoridades teriam muita dificuldade em fazer cumprir as tais restrições inerentes ao estado de emergência. Nesta rua há cidadãos que têm a casa de habitação localizada num distrito e a adega… no outro distrito, separadas por pouco mais que uma dezena de metros.

Mas não ficamos por aqui no tocante a lugares com características peculiares desta natureza na região. Espinheira apresenta outro cenário curioso no âmbito das divisões administrativas. Esta localidade confina com o lugar de São Salvador e ambas dividem o seu território entre as freguesias de Alcoentre, no Concelho de Azambuja, e a União de Freguesias de Lamas e Cercal, no Concelho do Cadaval.

Mas aqui a curiosidade vai ao ponto da linha administrativa estar definida por cima de propriedades, quintais e mesmo habitações. Se formos absolutamente rigorosos, há habitações na Espinheira e em São Salvador nas quais o simples facto de passar do quarto para a cozinha significa… mudar de concelho. Um pouco mais acima, no IC2, ao quilómetro 52, um “triângulo” permite-nos conseguir ter um pé no Concelho de Azambuja, outro no Concelho de Alenquer e as mãos assentes no chão… em território do Município do Cadaval.

E para finalizar esta temática das curiosidades no tocante a divisões administrativas da região, chamamos a sua atenção para a infindável beleza da Ponte das Lezírias. A meio do percurso desta estrutura inaugurada a 8 de Julho de 2007 que liga Carregado a Benavente o leitor vai conseguir uma experiência de observação de territórios municipais diferenciados provavelmente única no País, se tivermos em conta que estamos a falar de um local que fica poucos metros acima do nível do mar.

Na Ponte das Lezírias, e em boa parte do seu percurso de 12 quilómetros, poderá gozar de uma vista deslumbrante e ao mesmo tempo observar em simultâneo territórios dos concelhos de (prepare-se, que a lista é extensa): Alenquer, Sobral de Monte Agraço, Arruda dos Vinhos, Cadaval, Azambuja, Cartaxo, Santarém, Salvaterra de Magos, Benavente, Vila Franca de Xira, Loures, Lisboa, Alcochete e Montijo. E em dias de céu limpo ainda avista perfeitamente a Serra da Arrábida, e logo está de olhos postos nos Concelhos de Palmela, Setúbal e Sesimbra. Contámos 17 municípios, possíveis de ver a partir de um só lugar. Se não for único no país será, no mínimo, coisa rara.


Ricardo Neiva: Talento de Marinhais deu concerto em casa para o Fundamental Canal

Ricardo Neiva tem voz de anjo e talento para dar e vender. Este jovem de Marinhais foi concorrente no The Voice Portugal e aceitou o nosso convite para produzir um concerto em casa e mostrar aos espectadores do Fundamental Canal todo o seu talento e versatilidade.

VIANuno Cláudio
COMPARTILHAR