Carregado: câmara não pagou factura e EDP cortou a luz ao Mercado Municipal

O Mercado do Carregado está às escuras desde as 10 horas desta manhã de quarta-feira. O piquete da EDP interrompeu o fornecimento de energia, deixando lojistas e vendedores de mãos a abanar e com prejuízos avultados. A Junta de Freguesia diz que não sabe de nada. A gestão do Mercado Municipal cabe à autarquia central.

O Mercado Municipal do Carregado está às escuras desde as 10 horas desta manhã de quarta-feira. O piquete da EDP interrompeu o fornecimento de energia, deixando lojistas e vendedores de mãos a abanar e com prejuízos avultados. A Junta de Freguesia diz que não sabe de nada. A gestão do Mercado Municipal cabe à autarquia central.

De facto, tudo leva a crer que a Câmara de Alenquer não tenha pago a tempo e horas a factura do fornecimento de luz ao Mercado Municipal, razão pela qual a EDP procedeu ao corte geral de energia daquela estrutura. Questionada pelos comerciantes daquele espaço, a Junta de Freguesia argumentou desconhecer o assunto, frisando que à sua responsabilidade estará somente o aluguer e recebimento das rendas das lojas.

O corte de luz que se verifica desde as 10 horas da manhã desta quarta-feira, dia 3 de Janeiro, está a ter graves repercussões para os lojistas e vendedores daquele espaço. O Fundamental apurou que a esteticista estabelecida no local já recusou mais de uma dezena de clientes, por não ter luz para trabalhar. O café também está sem poder trabalhar, e o talho vê a carne a caminho do descongelamento. Só para citar alguns exemplos. Sem luz não há Mercado Municipal.

“As coisas já estão difíceis, e a termos que enfrentar problemas destes que não somos nós que os criamos, então ainda se tornam mais difíceis”, argumenta um dos comerciantes do Mercado Diário, revoltado com a situação. Questiona-se neste caso a responsabilidade de uma Câmara Municipal, que se dá ao desleixo de deixar cortar a luz de um espaço público, cuja estrutura é o sustento de muitos comerciantes e respectivas famílias.

 

VIAAlexandre Silva
COMPARTILHAR